Plano de Curso
01 Habilitação: Técnico em Meio Ambiente
Carga Horária: 900 horas


1. Objetivos


O Curso Técnico de Meio Ambiente tem como objetivo formar o profissional técnico de nível médio para desempenhar atividades nos mais diferentes locais de trabalho, visando sempre o controle e à melhoria da qualidade em processos ambientais, em uma perspectiva de desenvolvimento social, econômico e político. Estando capacitado para desenvolver técnicas que visam à proteção e à recuperação da natureza, a promover projetos de educação ambiental, e executar o monitoramento de águas e efluentes; atuando também no gerenciamento, na fiscalização e no controle ambiental, objetivando evitar a poluição e contaminação do meio ambiente.

O Técnico em Meio Ambiente terá formação que evidencie as competências de trabalho em conjunto, conhecimento técnico e formação específica para atuar no mercado de trabalho de forma criativa, ética e empreendedora.

Como os problemas ambientais não estão restritos ao campo e muito mais se apresenta no meio urbano, o curso tem como objetivo principal a formação de profissionais capazes de lidar com o uso dos recursos naturais, produção sustentável, urbanização planejada, redução dos impactos ambientais e destinação final e tratamento adequado dos poluentes, podendo ainda estruturar ações de educação ambiental para comunidades, além de compor coordenações para implementação das Normas ISO em empresas.

Na urgência de formar um profissional capacitado para atender esta demanda e tendo como base legal a Resolução CNE nº. o4/99 que instituiu as Diretrizes Curriculares Nacionais para Educação Profissional de Nível Técnico, que normatizou os currículos básicos as Áreas Profissionais e inseriu o Meio Ambiente como uma de suas grandes áreas, visto a carência de profissionais com um formação específica, ou seja, um técnico de nível médio.

Os cursos técnicos em consonância com a Resolução nº04/99 no seu desenvolvimento devem dar ênfase aos valores estéticos, políticos e éticos, desenvolvendo as competências para a laboralidade, flexibilidade, interdisciplinaridade e para a contextualização com a permanente articulação entre o mundo produtivo, conhecimento científico e tecnológico, ou seja, a teoria agregada a prática.

O Técnico em Meio Ambiente é o profissional que possui competência e habilidade capaz de conhecer os recursos naturais e os problemas de processos ambientais de um determinado local e, por meio desse conhecimento auxiliar o planejamento de empreendimentos sustentáveis. É capaz de realizar ações mitigadoras de impactos ambientais, identificar os processos tecnológicos e de produção vigentes, auxiliar na implantação de alternativas tecnológicas adequadas. Tem conhecimento e visão crítica de legislação ambiental.

Assim, o projeto vem a atender à solicitação de qualificação e formação básica das pessoas, gerando mão-de-obra qualificada, novas frentes de trabalho, novos empregos, melhoria na qualidade de serviços prestados e, sobretudo atuando na qualidade de vida de uma população.

Objetivos Específicos

- Habilitar o aluno a exercer atividades profissionais de técnico de nível médio na área ambiental, com habilitação em planejamento de empreendimentos sustentáveis;
- Promover a construção de competências que contemplem habilidades, conhecimentos e comportamentos que atendam às demandas de mercado, do setor produtivo e meio ambiente para operar no controle e análise de impactos ambientais;
- Formar profissionais habilitados a desenvolver atividades de caráter técnico e profissional na área ambiental, numa perspectiva de desenvolvimento social, econômico e político, visando à melhoria da qualidade de vida;
- Oferecer aos alunos oportunidades para construção de competências profissionais na perspectiva do mundo da produção e do trabalho, bem como do sistema educativo continuado;
- Possibilitar a avaliação, reconhecimento e certificação de conhecimentos adquiridos na educação profissional, inclusive no trabalho, para fins de prosseguimento ou conclusão de estudos.

2. Requisitos de Acesso

Para ingresso no curso o aluno deve estar cursando o Ensino Médio ou ter concluído o mesmo. Sempre que o número de candidatos exceder ao número de vagas, os mesmos são submetidos a provas escritas de seleção constando conteúdos de Língua Portuguesa e Matemática.

3. Perfil Profissional de Conclusão
Eixo Tecnológico: Ambiente, Saúde e Segurança


3.1. Caracterização do eixo e competências gerais

Tendo como referência as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Profissional de Nível Técnico, que caracteriza a o eixo tecnológico de Ambiente, Saúde e Segurança , que compreende ações de preservação dos recursos naturais, com controle e avaliação dos fatores que causam impacto nos ciclos de matéria e energia, diminuindo os efeitos causados na natureza (solo, água e ar). Compreendendo, igualmente, atividades de prevenção da poluição por meio da educação ambiental não escolar, da tecnologia ambiental e da gestão ambiental. Tem como competências:

- Identificar, caracterizar e correlacionar os sistemas e ecossistemas, os elementos que os compõem e suas respectivas funções;
- Identificar e caracterizar as grandezas envolvidas nos processos naturais de conservação, utilizando os métodos e sistemas de unidades de medida e ordens de grandeza;
- Identificar os parâmetros de qualidade ambiental dos recursos naturais (solo, água e ar);
- Classificar os recursos naturais (água e solo) segundo seus usos, correlacionando as características físicas e químicas com sua produtividade;
- Identificar as fontes e o processo de degradação natural de origem química, geológica e biológica e as grandezas envolvidas nesses processos, utilizando métodos de medição e análise;
- Identificar características básicas de atividades de exploração de recursos naturais renováveis e não-renováveis que intervêm no meio ambiente;
- Identificar e caracterizar situações de risco e aplicar métodos de eliminação ou de redução de impactos ambientais;
- Identificar e correlacionar o conjunto dos aspectos sociais, econômicos, culturais e éticos envolvidos nas questões ambientais;
- Avaliar as causas e efeitos dos impactos ambientais globais na saúde, no ambiente e na economia;
- Identificar os processos de intervenção antrópica sobre o meio ambiente e as características das atividades produtivas geradoras de resíduos sólidos, efluentes líquidos e emissões atmosféricas;
- Avaliar os efeitos ambientais causados por resíduos sólidos, poluentes atmosféricos e efluentes líquidos, identificando as conseqüências sobre a saúde humana e sobre a economia;
- Aplicar a legislação ambiental local, nacional e internacional;
- Identificar os procedimentos de avaliação, estudo e relatório de impacto ambiental (AIA/EIA/RIMA).
- Utilizar sistemas informatizados de gestão ambiental;
- Auxiliar na implementação de sistemas de gestão ambiental em organizações, segundo as normas técnicas em vigor (NBR/ISO 14001);
- Interpretar resultados analíticos referentes aos padrões de qualidade do solo, ar, água e da poluição visual e sonora, propondo medidas mitigadoras;
- Aplicar princípios e utilizar tecnologias de prevenção e correção da poluição; - Organizar e atuar em campanhas de mudanças, adaptações culturais e transformações de atitudes e condutas relativas ao meio ambiente.

3.2. Competências específicas da atividade de Técnico em Meio Ambiente.

Ao concluir o Curso Técnico em Meio Ambiente, o aluno deverá ter constituído as seguintes competências gerais:

- Realizar levantamentos ambientais;
- Praticar auditorias ambientais em indústrias;
- Realizar campanhas de monitoramento ambiental;
- Executar campanhas de educação ambiental;
- Implantar sistemas de gestão ambiental;
- Desenvolver atividades de vigilância sanitária ;Operar sistemas de águas, efluentes, resíduos sólidos e emissões atmosféricas;
- Desenvolver atividades de levantamento e controle de ruídos;
- Participar do processo de gestão ambiental de organizações;
- Atuar como agente facilitador para análise e implantação de projetos de educação ambiental em instituições de ensino e organizações não governamentais;
- Auxiliar no diagnóstico e implantação de projetos turísticos, com foco na importância do desenvolvimento sustentável da região.

Além das competências já especificadas, também serão propiciadas ao aluno condições para a aquisição de competências que lhe permitam:

- Compreender a importância e a necessidade da aplicação de princípios e valores éticos e morais, perante as diversas situações da vida do cidadão e, consequentemente, do cotidiano do profissional;
- Entender e valorizar o hábito da leitura como um dos meios de comunicação que conduzem à informação e à atualização do profissional;
- Conhecer e aplicar os conceitos e princípios de gestão vinculados à importância dos sistemas de qualidade;
- Conhecer e utilizar o método estatístico para subsidiar solução de problemas;
- Utilizar a informática como instrumento de trabalho;
- Desenvolver uma postura crítica, investigativa e propositiva diante da preservação ambiental, na perspectiva da construção de uma cidadania participativa e ativa.

Capítulo 4

4. Organização Curricular

Módulo I: Monitoramento Ambiental: Esse módulo permite a formação de um profissional para levantamento e monitoramento da qualidade ambiental conforme as normas legais e respeitando os fatores de sobrevivência dos seres vivos. Para essa capacitação, no módulo são ministradas as disciplinas: Legislação Ambiental, Geologia, Ecologia Aplicada, Biologia Aplicada, Geoprocessamento, Informática, Leitura e Produção de Textos, Ética, Cidadania e Meio Ambiente, Matemática e Estatística, Química Ambiental, Leitura e Interpretação de Desenho Técnico, totalizando 270 horasaula.

Módulo II: Gestão Ambiental: Esse segundo módulo traz a formação para gestão ambiental das microbacias, gestão das reservas naturais, gestão das unidades de controle da poluição e dos locais de tratamento dos poluentes (Aterros sanitários, ETE, ETA). Esse módulo possui as seguintes disciplinas: Educação Ambiental, Gestão Ambiental, Poluição Ambiental, Vigilância Sanitária e Ambiental, Gestão de Resíduos Sólidos, Gestão de Efluentes Industriais, Processos Industriais, Saneamento Ambiental, Áreas de Preservação Ambiental, Análise de Bacias Hidrográficas, totalizando 270 horas aula.

Módulo III: Supervisão e Controle Ambiental: Esse último módulo permite a formação de um supervisor de projetos ambientais, com capacidade para planejar e trabalhar projetos sustentáveis. As disciplinas pertencentes a este módulo são: Projetos Ambientais Agropecuários, Projetos Ambientais Florestais, Projetos Ambientais Turísticos, Projetos Ambientais Urbanos, Projetos Ambientais Industriais, Auditoria e Normas Ambientais, Projetos de Educação Ambiental, Higiene e Segurança do Trabalho, Gestão Empreendedora, Projeto Integrador I, Tecnologia e Meio Ambiente, Projeto Integrador II, Análise do Impacto Ambiental, totalizando 270 horas aula.

O curso Técnico em Meio Ambiente acha-se estruturado em três módulos seqüenciais e articulados, de 270 horas cada, com terminalidade correspondente às qualificações profissionais de nível técnico identificados no mercado de trabalho e sugeridas pelo Catálogo Nacional de Cursos Técnicos (MEC 2007), totalizando 810 horas, somados as 90 horas do projeto integrador I e II, e propõe de forma inovadora o desenvolvimento de atividades com apoio semi-presencial, em ambiente Internet para os conteúdos das Unidades Curriculares presenciais.

Os módulos constituem importante instrumento de flexibilização e abertura curricular, representando um conjunto de competências significativas que permitem a aquisição de algum tipo de formação. A articulação dos módulos conduz o processo de obtenção de certificações profissionais.

A Direção Pedagógica deste curso organizou a estrutura curricular do curso técnico em módulos, a partir do perfil profissional de conclusão, construídos principalmente, com a participação de experts em ambientes educacionais e consultas ao setor produtivo.

Foram utilizados os seguintes critérios na organização dos módulos:

- Identificação de perfis de conclusão de cada módulo e da habilitação;
- Identificação das competências correspondentes, tendo como parâmetro a descrição da área profissional e suas possibilidades de atuação;
- Organização dos processos de ensino e aprendizagem;
- Uma estimativa de carga horária;
- Envolvimento de projetos visando ao desenvolvimento das competências adquiridas;
- Curso através de aplicação em projetos ambientais de pesquisa.

5. Clique aqui veja os Módulos do Curso

6. Certificados e Diplomas

A escola expedirá:


6.1 O Certificado de Auxiliar Técnico em Gestão Ambiental ao término do segundo módulo, ao aluno que conclui o módulos I e II num total de 540 horas.

6.2 Ao término do curso é expedido o Diploma de Técnico em Meio Ambiente ao aluno que conclui o curso, e comprovar o término do Ensino Médio.

6.3 Ao aluno que conclui o curso e não comprova o término do ensino médio é expedido o Certificado de Qualificação Profissional em Meio Ambiente.

O Histórico Escolar acompanha o Diploma e os Certificados explicitando as competências profissionais certificadas.